Como plantar gengibre

Como plantar gengibre

Cultivar o próprio gengibre é muito compensador, usufrui-se de uma linda planta e ao fim de 10 a 12 meses ela premia-nos os seus ricos rizomas.

O gengibre (Zingiber officinale) é uma planta natural do sudeste Asiático que pertence à família Zingiberaceae . O seu rizoma de sabor picante, ligeiramente agridoce é o principal interesse pelo seu cultivo. Destaca-se pelos seus amplos benefícios para a saúde, com propriedades anti-inflamatórias, desintoxicantes e anti-náuseas entre outros. Leia mais sobre: Os benefícios do gengibre

Em jardins tropicais ou subtropicais é utilizado como planta ornamental e pode alcançar até 1,5 metros de altura. Perto do fim do ciclo surgem as flores que se agrupam-se em inflorescências tipo espigas.

Cultura do gengibre


O gengibre é uma planta de clima tropical e subtropical. Cresce melhor em temperaturas entre os 17º e os 35º e aprecia a humidade relativa alta.
Nos países de clima frio pode ser cultivado durante os meses mais quentes do ano ao ar livre e deve ser protegido nos meses mais frios.

O solo deverá ter um pH entre os 5,5 e os 7, no entanto tolera um pH entre os 4,3 e os 7,5.
Deverá escolher uma parcela de terra leve, com boa drenagem e rica em matéria orgânica.

Plantação do gengibre


Rizoma de gengibre
Plante o gengibe em finais de inverno princípios de primavera.
Os pedaços de gengibre devem ser enterrados a uma profundidade de 5 centímetros. Deve escolher fragmentos de rizoma com 1 a 2 gemas e com uma média de 3 a 5 centímetros. O espaçamento entre plantas varia de 30 a 50 centímetros e de 60 a 90 centímetros entre linhas.
No entanto em regiões de Invernos frios é preferível plantar o gengibre em vasos e recolhe-los para dentro de casa quando a temperatura começa a esfriar.

Tratos culturais do gengibre


➢ Durante o crescimento da planta regue com frequência, par que o solo mantenha sempre alguma humidade mas sem encharcamento, já que o excesso de água no solo poderá levar ao apodrecimento das raízes.
➢ Controle as ervas daninhas, para estas não competirem pelos nutrientes.
Amontoe terra à volta das plantas de modo a nunca deixar os rizomas do gengibre expostos.
➢ Quando as folhas começarem a amarelecerem suspenda a rega, este é o primeiro sinal do amadurecimento dos rizomas do gengibre.
➢ O pior inimigo da cultura do gengibre é o fusarium. Não existem tratamentos eficazes para esta doença, sendo a prevenção a medida mais importante, por isso é fundamental fazer a rotação de culturas, ou seja nunca se deve plantar o gengibre no mesmo lugar.

Colheita do gengibre


A colheita do gengibre da-se entre os 7 a 12 meses após o plantio, quando surgem os botões florais e as folhas começam a amarelecer.
Depois da floração o rizoma do gengibre tende a ficar mais duro e picante.

Como cultivar o gengibre em vaso

  1. Compre uma raiz de gengibre fresca  no supermercado, escolha uma com aspecto firme e inchada.
  2. Escolha um vaso com 35 centimetros de largura e 30 centimetros de profundidade.
  3. Coloque uns cacos no fundo a fim de evitar o encharcamento.
  4. Encha-o com terra leve e rica em matéria orgânica.
  5. Plante o rizoma do gengibre logo abaixo da superfície do solo a uma profundidade de 5 cm.
  6. Regue moderadamente nas alturas de calor e reduza nas épocas frias. Tenha sempre o cuidado de evitar o encharcamento.
  7. Coloque o vaso em local quente e com alguma sombra.

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...