Faucária Tuberculosa

Como cuidar Faucária TuberculosaA Faucária Tuberculosa pertence é uma planta da família Aizoaceae, originária da Africa do Sul. Dentro do gênero faucária , encontramos várias espécies que se confundem, entre elas: Faucária lupina, Faucária tigrina , Faucária tuberculosa, Faucária felina.

A faucária é uma pequena suculenta resistente e muito decorativa. Geralmente a planta não ultrapassa os 10 cm, cada cabeça forma até 8 folhas, que emergem aos pares diretamente do centro. Com o tempo vão surgindo novas rosetas à volta da planta mãe e vão formando moitas que cobrem o solo na totalidade.

 As folhas são triangulares e espessas,
distingue-se das de outras suculentas pelos grandes tubérculos ou verrugas na superfície da folha superior e os pequenos dentes brancos macios ao longo das bordas que se parecem com a boca de um animal ou as pequenas garras das plantas carnívoras.

Floresce no Outono, as flores surgem no centro da roseta, com tonalidade amarela dourada e fazem lembrar a flor do dente de leão. Abrem por volta do meio dia e mantem-se abertas até ao final da tarde, fechando durante a noite. Se o tempo se apresentar nublado elas não abrem.

Cuidados com a Faucária Tuberculosa


Condições favoráveis: Aprecia uma exposição ensolarada, gosta de receber sol pelo menos 3 horas por dia, mas também se desenvolvem bem na sombra parcial. Quando a faucária é exposta ao sol forte as folhas adquirem tonalidades mais fortes com tendencias arroxeadas.
O solo deve ser uma mistura leve, que apresente uma boa capacidade de drenagem.

Rega: A rega deve ser moderada, é conveniente deixar secar a terra entre as regas. O excesso de água leva à podridão das raízes  e das folhas, mas a falta também é prejudicial, pode levar à morte da planta e das rosetas que a circundam. Tendo em atenção que o Inverno é o período de descanso da planta, a rega deve ser muito reduzida.

Multiplicação: A Faucária propaga-se por meio da sementeira ou por meio das novas rosetas que surgem à volta da planta mãe, sendo este 2º  método mais comum. Retiram-se as rosetas com cuidado e plantam-se num substrato poroso, são colocadas à sombra e mantidos em meio ligeiramente húmido, com temperatura aproximada a 21º.

Faucária TuberculosaUsos da faucária: É perfeitamente adequada ao plantio de jardins rochosos, de pequenos arranjos de suculentas, onde contrasta muito bem com as outras plantas.

A minha experiencia: A faucária tuberculosa foi uma das minhas primeiras aquisições. Coloquei-a num arranjo junto com outras suculentas e ai se têm mantido até agora com poucos cuidados. Já retirei duas pequenas rosetas que cresceram muito bem, uma das quais se vê na foto acima.

Nomes populares: faucária, mandíbula de tubarão, mandíbula de tigre.

Sugestão: Veja como cuidar a suculenta que se encontra na foto à esquerda da faucária: Cultivo da Jade de prata - Crassula arborescens

Sem comentários:

Enviar um comentário