6.06.2016

Cultivo da batata doce

Cultivo da batata doce

A batata doce é uma planta herbácea que  é cultivada pela sua raiz carnuda, contudo as folhas e as pontas dos ramos também podem ser consumidas cozida. As batatas doces são consumidas da mesma maneira que as batatas comuns, cozidas assadas ou fritas, contudo são mais nutritivas. Leia mais sobre os benefícios da batata doce


A batata doce prolifera melhor com temperaturas acima dos 20º, sendo a temperatura ideal entre os 24 e os 26º.
Em zonas frias ela pode ser cultivada em estufas, contudo as raízes serão mais reduzidos.
Normalmente é cultiva directamente no solo, contudo também se dá em vasos ou outro tipo de recipientes. Se optar pela segunda opção deverá escolher recipientes com o diâmetro superior a 35 cm.

Propagação da batata doce


A batata doce pode ser propagada a partir de sementes, da própria batata doce germinada, ou através de estacas da própria rama.

Quando feita através da rama deve-se escolher ramos com 8 a 10 folhas. Enterra-se metade do ramo e mantém-se a terra húmida. Esta prática é bastante viável em climas quentes.

Em zonas de Invernos frios o método mais indicado é o da batata doce germinada, já que normalmente as plantas não sobrevivem aos Invernos e não há matéria prima para retirar ramos. Escolha as mais pequenas no plantio. Poderá adiantar a plantação, colocando as batatas em recipientes e cobertas parcialmente com água.

O modo de propagação com semente é menos recorrente, mas resulta muito bem. Procede-se como em qualquer sementeira. Coloca-se a semente em vasos, de forma a manter uma planta por unidade. Na hora do transplante não se desfaz o torrão.

Propagação da batata doc


Plantação da batata doce, o método mais usual


Em fins de Dezembro principio de Janeiro, coloque uma batata doce meio submersa num frasco com água. A batata doce vai começar a desenvolver raízes na parte submersa, na parte de cima começa a despontar a rama. À medida que a rama atinge os 10 cm, retire-a e coloque-a noutro copo com água, a ganhar raízes. Quando ganharem as raízes, plante-as em pequenos vasos e transplante-as para o local definitivo depois de passar o perigo das geadas.
O espaçamento mais indicada varia entre 0.80 a 1.00 m entre leiras por 0.25 a 0.50 m entre plantas.
Fertilize com matéria orgânica e cinzas de madeira que são ricas em fosforo e potássio.
Caso seja adepto de adubos químicos, escolha um que seja rico em fosforo e potássio. Cuidado com o excesso azoto, pode levar ao excesso de vegetação em detrimento da produção de raízes.

Solo

A batata doce é bastante tolerante no que respeita a solos, contudo prefere solos bem drenados, ricos em matéria orgânica, livres de pedras e com o pH entre os 5,5 e os 6,5. Os solos compactos e encharcados estão fora de questão.

Tratos culturais


A batata doce é uma planta resistente com um crescimento vigoroso e não exige grandes cuidados.
O excesso de matéria orgânica, de nitrogénio ou de água, provocam o excesso de rama em deterioramento das raízes. Regue normalmente, de forma a manter o solo humedecido mas sem encharcar.
Necessita de de uma boa exposição solar, evite locais sujeitos ao sombreamento e ao vento forte.
Controle as ervas daninhas e se necessário efectue uma amontoa.

Colheita e conservação da batata doce


A colheita dá-se quando a batata doce atinge o tamanho pretendido, o que normalmente ocorre entre os 110 aos 160 dias após a plantação. Antes da colheita deve cortar a rama e a recolha deve-se dar no mesmo dia. Após o arranque que deve ser em tempo seco, deixe a batata secar ao sol por algumas horas horas.
Guarde em local abrigado e arejado, sem serem lavadas, para não comprometer a conservação.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...