Cacto Dama da noite - (Epiphyllum oxypetalum)

Como cuidar o Cacto Dama da noite - (Epiphyllum oxypetalum)A Dama da noite (Epiphyllum oxypetalum) também conhecida por cacto orquídea, é uma planta
suculenta originária do Sri Lanka, que pertence à família cactaceae. Os seus ramos são achatados e suculentos, mas também podem se apresentar triangulares, sem espinhos e com borda ondulada. No inicio eles crescem eretos, com o tempo tendem a curvar e pender nas pontas.

Dos ramos que parecem folhas mas são hastes achatadas, surgem flores de grandes dimensões, algumas com mais de 20 centímetro. São valorizadas pelas sua beleza e pelo forte aroma que libertam durante a noite. Ao nascer do sol a flor da dama da noite murcha e ao fim de uma semana cai da planta encerrando o seu ciclo de vida.

Geralmente a dama da noite é usada na forma pendente ou guiada, quanto apoiada em árvores chega a alcançar os 6 metros.

Como cuidar a dama da noite


 Luz: A dama da noite aprecia locais de meia sombra, contudo também se adapta a lugares expostos à luz solar, apesar das folhas ficarem mais amareladas e o excesso de sol poder queimar as folhas.

 Regas: Regue de um modo regular, mas sem encharcamento. A dama da noite ressente-se com terra demasiado seca, porém também não tolera o excesso de água. No inverno reduza drasticamente as regas.

 Solo: Aprecia substratos porosos e leves, que contenham uma percentagem de substrato rico em matéria orgânica e areia, o mesmo que é usado para cactos.
Recomenda-se que utilize um vaso que seja 5 cm mais largo e 10 cm pais profundo que a raiz da planta. No fundo coloque uma camada de cascalho, posicione a raiz da planta e preencha com substrato, apertando delicadamente com a mão.

 Temperatura- No inverno esta suculenta necessita de proteção, ela não suporta a geada.

➢ Multiplicação:  A propagação da planta realiza-se cortando uma porção de ramo e colocando-a cicatrizar sobre um papel, até formar uma película sobre o corte. Depois plante num substrato apropriado a cactos. Mantenha a terra ligeiramente húmida até surgirem sinais de rebentação. Esta operação terá melhor sucesso no inicio da Primavera.

➢ Floração: Para florir esta suculenta necessita de uma boa luminosidade. Se a planta apresentar as condições necessárias, ela começará a presentear-nos com as suas belas flores a partir do meio da Primavera até ao Verão. A floração é bastante peculiar, as suas flores abrem à noite e mantêm-se abertas por poucas horas. A flor emana um odor que atrai os insectos noturnos e os morcegos.

➢ Nomes populares: Dama da noite, cacto orquídea, rainha da noite. Estas denominações são também aplicadas a outras plantas, gerando por vezes alguma confusão.

Curiosidades sobre a dama da noite


Outros cactos e plantas são denominados como dama da noite e na generalidade são plantas de floração noturna. Entre eles destaca-se : Hylocereus undatus (Vulgarmente conhecida por pitaya), Selenicereus sp. (Cacto sianinha), Cestrum nocturnum (Também conhecido por jasmim da noite)

Na Índia esta suculenta é chamada de Brahma Kalam, em consideração ao Deus Hindu, o senhor Brahma. Acreditam que os desejos que são pedidos durante a floração da planta, se irão realizar.

Sem comentários:

Enviar um comentário