Cultivo da melancia

Cultivo da melancia

A melancia (Citrullus lanatus) é uma planta herbácea anual com crescimento rasteiro e características trepadeiras, que pertence à família das cucurbitáceas. Possui sistema radicular superficial, os ramos podem atingir vários metros de comprimento, as folhas são trilobuladas triangulares, as flores são  pequenas e amarelas, separadas em femininas e masculinas. O fruto apresenta forma arredondada ou ovalada, casca lisa e brilhante, com polpa macia e sumarenta, que além de fresca, deliciosa e baixa em calorias, é rica em propriedades medicinais: (Benefícios da melancia para a saúde)

Condições favoráveis à cultura da melancia


Solo: A melancia pode ser cultiva em diversos tipos de solos, desde que não sejam muitos húmidos e apresentem uma boa drenagem, devem igualmente ser ricos em matéria orgânica e pH situado entre os 6 e os 6,8.

Nutrientes: A melancia é uma cultura de ciclo curto, por isso exige uma boa disponibilidade de nutrientes, eles são indispensáveis ao bom desenvolvimento da planta e à qualidade do fruto. O fornecimento dos nutrientes faz-se com uma boa incorporação de composto orgânico ao solo, complementado com aplicação de biofertilizantes que podem ser aplicados via foliar ou via rega.

Temperatura: A melancia aprecia climas quentes, é pouco tolerante ao frio, a temperatura ideal localiza-se entre os 20ºC e os 34ºC. Os períodos frios provocam baixa de floração e propiciam frutos pequenos e deformados. As temperaturas demasiado quentes também são prejudiciais, podem levar ao rachamento dos frutos.

Localização: As melancias apreciam sol direto e baixa humidade ambiental. O período ideal do desenvolvimento e maturação dos frutos coincide com os dias longos e noites quentes. Nas condições de baixa humidade relativa do ar, as melancias atingem maior qualidade e sabor.

Uma boa produção de melancias depende de uma polinização eficiente, que é garantida pelas abelhas, na ausência destes insectos polinizadores é recomendada auxiliar com a polinização manual.

Sementeira e plantação da melancia


A época de sementeira da melancia inicia-se entre Abril e Maio. Cave o solo e execute a limpeza eliminando pedras e ervas daninhas. Abra uma cova, fertilize-a com composto orgânico à razão de 0,5 L a 1,5 L por cova, dependendo do nível de matéria orgânica do solo. Poderá adicionar cinza de madeira na altura da plantação, ela é rica em potássio que aumenta o teor de açúcar no fruto (As vantagens da cinza na agricultura). Tape a cova com a terra, semeie 3 a 4 sementes a uma profundidade de 3 a 4 centímetros e regue. Geralmente a germinação leva entre 4 a 14 dias.

O espaçamento entre plantas deve regular 1,5 m x 2.00 a 2,00x3,00m, dependendo das variedades. O espaço é essencial para permitir que os ramos da melancia se expandam sem empecilhos, já que estes podem atingir os 3 a 5 metros de comprimentos. Depois da germinação elimine as plantas que apresentem menos vitalidade, mantendo apenas uma por cova. O arranque deve ser feito apos uma irrigação, de modo a não danificar a raiz da planta escolhida.

Em regiões de clima mais frio poderá efetuar a sementeira da melancia em vasos com 10 centímetros de largura e colocá-los num ambiente protegido e com boa luminosidade. Deverá realizar o transplante quando passar o risco de geadas e as plantas apresentarem 2 folhas definitivas.


Tratos culturais da Melancia



  • Controle as ervas daninhas ente as plantas de melancia, repita a operação as vezes necessárias de modo a manter a cultura limpa e evitar a competição pelos nutrientes.
  • Regue a planta regularmente mas sem encharcar, tendo o cuidado especial de não deixar faltar água no período da frutificação. Na fase próxima à maturação da melancia reduza as regas, o excesso de água pode levar a frutos insípidos e ao seu rachamento.
  • Nas épocas de grande humidade a planta é muito susceptível ao ataque de fungos, principalmente ao oídio. É recomendado aplicação preventiva de uma calda protetora. Encontrará essas qualidades na calda de leite, ela atua no controle da doença e como fonte de nutrientes. Veja aqui os pormenores: (Leite de vaca no tratamento das plantas)
  • Elimine os frutos que apesentem anomalias fisiológicas e mantenha apenas 3 a 4 frutos por planta.
  • É recomendado evitar o contato direto do fruto com o solo, coloque o fruto sobre sobre uma cama de palha, preferencialmente na vertical (a parte apical voltada para baixo), este método reduz a superfície de encosto e melhora o aspeto do fruto.  


Colheita das melancias


Geralmente a maturação dos frutos dá-se 80 a 85 dias após a sementeira nas variedades mais precoces e 120 dias nas variedades mais tardias.
A melancia deve ser colhida com o talo, de modo a prevenir podridões na conservação.
A maturação verifica-se quando a parte em contacto com o chão fica amarela (passa de esbranquiçada a amarela), o pedúnculo do fruto começa a secar e quando se bate no fruto com os dodos dobrados ela imite um som meio oco.


Curiosidades sobre a melancia


A melancia é uma das cucurbitáceas mais cultivadas do mundo, sendo a China a maior produtora mundial e a Espanha a maior produtora da Europa. 
Cresce espontaneamente nas savanas Africanas, sendo encontradas em abundancia nas planícies. Foram domesticadas há mais de 5000 anos.

As flores masculinas e femininas da melancia apresentam-se separadamente na mesma planta. Sendo que cada flor conserva-se aberta apenas por um dia. As abelhas são as principais agentes polinizadoras da melancias, sendo totalmente desaconselhada a aplicação de produtos tóxicos na época de floração. 

Leite de vaca no tratamento das plantas

Leite de vaca no tratamento das plantas

Efeito do leite nas plantas


O leite atua sobre diversas doenças e pragas devido às suas propriedades germicidas. Ele atua no controle de algumas pragas e doenças sem contaminar os alimentos e o ambiente. Alguns estudos comprovam a sua eficacia no controle da Sphaerotheca fuliginea, conhecida como oídio ou míldio pulverulento. Artigos relacionados: Leite de vaca cru no control do oídio e Leite no controle do oídio das cucurbitáceas.
Os oídios são doenças fúngicas, provocadas por fungos que se desenvolvem no tecido vivo das plantas. São fáceis de reconhecer porque formam colonias esbranquiçadas ou acinzentadas que lembram pó. Aparecem sobre toda a parte vegetativa das plantas, sendo mais acentuado na superfície das folhas.

Além das propriedades germicidas o leite é rico em aminoácidos que encorajam a resistência das plantas e deste modo estimulam o controle biológico natural. O leite modifica as carateristas da superfície das folhas, altera o pH, os nutrientes, a gordura e forma um filme microbiano na superfície da folha. Estas condições reunidas dificultam a instalação dos agentes patogênicos responsáveis pelas doenças.

Como preparar a calda de leite


A aplicação do leite como meio de tratamento realiza-se na proporção de 5% a 10%, ou seja 500 ml de leite para 9 litros de água ou  1 litro de leite para 9 litros de água. A concentração vai depender da intensidade e gravidade da doença. Coloque num borrifador ou pulverizador e molhe bem toda a superfície da planta. Não é recomendado guardar a mistura depois de preparada.

Recomenda-se alguma persistência no tratamento aplique uma vez por semana, ou 2 vezes na presença de um ataque intenso e siga o procedimento durante 3 semanas. A aplicação deve ser executada no inicio ou no final do dia, quando as temperaturas se apresentam mais amenas, devendo toda a planta ser bem pulverizada.

Este tratamento têm revelado eficacia no tratamento de várias plantas da horta e do jardim: tomateiro, morangueiros, roseiras, gerbera, cucurbitáceas como abobora, melão, courgette, pepino,  entre várias outras hortaliças e plantas.

Leite de vaca contra os ácaros


Também pode obter o efeito acaricida misturando farinha de trigo à mistura. Para o efeito dilui-se o leite na água a 10%. Dilui-se um litro de leite em 9 litros de água e acrescenta-se 200 gramas de farinha de trigo.
A farinha deve ser misturada lentamente numa pequena porção do liquido, deve ficar bem diluída e sem grumos, de modo a evitar entupimentos no bico do pulverizador.

Foto Pixabay
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...