Cultivo da erva príncipe - Cymbopogon citratus

Cultivo da erva príncipeA erva príncipe (Cymbopogon citratus) é uma gramínea tropical, que consegue adaptar-se a clima mais frios, desde que não seja exposta a temperaturas negativas. É uma planta medicinal muito apreciada pelo seu agradável aroma a limão e por todos os benefícios que apresenta para a saúde. Leia mais em: (Propriedades da erva príncipe). Possui propriedades anti depressivas, anti inflamatórias, calmantes, sedativas, anti sépticas, anti fúngicas, febrífugas e anti espasmódicas.

A erva príncipe é uma planta herbácea da família das Poaceae, também conhecida por capim limão, capim santo, erva limeira e capim cidreira. É uma planta nativa das regiões tropicais da Asia, principalmente da Índia, contudo desenvolve-se bem em várias partes do mundo, desde que as temperaturas não desçam abaixo de 0º. Em climas de invernos mais severos é recomendado o seu cultivo em vasos, de modo a recolhe-la e protegê-la do frio. Geralmente alcança em média 60 a 80 cm de altura, porém pode ultrapassar esta medida e alcançar um metro.

É uma excelente opção para canteiros e bordaduras de jardins irrigados. A erva príncipe representa uma linda e frondosa planta ornamental que emana um suave e agradável aroma a limão no ambiente que a circunda com e apresenta uma ação repelente contra diversas pragas. Na Tailândia e no Brasil é cultivada perto de pântanos com o fim de afastar os mosquitos.

Como plantar erva príncipe


A erva príncipe propaga-se facilmente por divisão de touceiras. As suas raízes são pouco profundas e facilmente se separam caules da planta mãe, sem a necessidade de a desenterrar. Deste modo modo acaba por ser muito fácil multiplicar a erva príncipe, seja no solo ou em vaso. No seu meio natural a erva príncipe também se multiplica via semente, porém fora do seu habitat  natural ela muito raramente produz flores.

Retire um rebento, dê um pequeno corte no comprimento das folhas e enterre a raiz e toda a parte branca do caule, deixando a folhas acima do solo.
Na fase inicial ou seja durante o pegamento da nova plantinha de erva príncipe, deve manter o solo sempre húmido de modo a não deixar a planta desidratar. Se a plantação se tenha sido executada em vaso, coloque este à sombra nos primeiros dias.

O espaçamento deve respeitar os 50 cm entre plantas e 50 a 75 cm entre linhas. O capim limão também pode facilmente sobreviver em vasos, é recomendado que estes tenham pelo menos 30 cm de diâmetro e 30 cm de profundidade.

Tratos culturais da erva príncipe 


Aprecia uma boa exposição solar, com luz solar direta pelo menos algumas horas por dia. Também sobrevive em local de meia sombra, porém o sol ajuda a aumentar a concentração dos óleos essenciais.

A erva príncipe (capim limão) aprecia solos com textura média argilosa, fertilidade mediana e boa drenagem. O pH ideal situa-se entre os 5,0 e os 6,5. Fora destes parâmetros deve-se efetuar a correção antes do plantio.

Na fase inicial a rega deve ser regular, de modo a manter o solo húmido mas sem encharcamento, depois poderá espaçar a rega. Quando regar evite molhar as folhas, opte por regar na área circundante, já que a planta é sensível a doenças fúngicas como o míldio.

Mantenha a plantas de erva príncipe livre de ervas daninhas, de modo a que estas não entrem em competição pelos nutrientes, principalmente na fase inicial do plantio.

Pode-a várias vezes durante o ano, quanto mais podar a sua erva príncipe, mais bonita ela fica. Faça uma limpeza periódica da sua planta, retire as folhas secas, de modo a prevenir a doenças fúngicas.

Com o tempo a planta tende a formar um raizame espesso, com pouco espaço para crescer. A cada 3 ou 4 anos divida as touceiras da erva príncipe, de modo a melhorar a produtividade do mesmo.

Colheita da erva príncipe


Geralmente a colheita da erva príncipe realiza-se 4 a 5 meses após o plantio. O corte das suas folhas deve ser feito com uma tesoura, 3 a 4 dedos acima do ponto de inserção do caule. O ideal é realizar o corte pela manhã, quando as folhas apresentam uma maior concentração de óleos essenciais. As folhas são finas e cortantes e devem ser manipuladas com cuidado, elas facilmente cortam a pele.

Como secar a erva príncipe: Após a colheita, corte as folhas em pedaços mais pequeno com ajuda de uma tesoura afiada. Coloque-as a secar num local seco e sombreado sobre uma malha fina. Depois de secas guarde-as num pote de vidro.

A erva príncipe é uma planta perene de crescimento rápido, quando exposta às condições ideias de calor e humidade, depois de cortada volta a crescer rapidamente voltando a recuperar o tamanho em pouco tempo.

Nomes comuns: capim limão, capim santo, capim cidró capim cheiroso e capim cidreira. Lemongrass (em inglês) e citronelle (em francês).

Confusão entre erva príncipe e citronela


Existe alguma confusão entre o a erva príncipe e a citronela, na verdade são duas plantas muito parecidas, mas existem algumas diferenças que nos poderão ajudar a distinguir estas duas plantas.
Caules: A citronela apresenta um talo arroxeado, ao contrário da erva príncipe que apresenta um talo verde.
Folhas: Outra diferença importante está nas folhas, na erva príncipe elas têm um porte mais ereto, na citronela mais curvado além do verde ser mais intenso. Depois de secas também apresentam uma diferença significativa de cor, as folhas da erva príncipe adquirem uma tonalidade meio opaca e escura, a folha de citronela apresenta uma tonalidade dourada.
Aroma: Uma outra diferença está no odor que as folhas libertam, a erva cidreira depois de ligeiramente friccionada liberta um aroma adocicado que faz lembrar o limão e erva cidreira, já a citronela faz lembrar o cheiro de eucalipto, o cheiro também é agradável mas faz têm um toque um pouco mais azedo.

Sem comentários:

Enviar um comentário