Cultivo da hortelã

Cultivo da Hortelã

Características e utilização da hortelã


A hortelã Mentha sp. é uma planta indispensável que exala um odor inconfundível e sabor refrescante. Caracteriza-se como uma aromática de fácil cultivo, que quando não controlada pode se tornar invasora.
Têm variadíssimas utilizações seja em saladas, sopas, bebidas, como tempero de carnes, doces ou molhos. Na industria entra como constituinte de uma vasta linha de higiene pessoal e de cosméticos. Conta ainda com importantes qualidades medicinais, sendo considerada uma boa auxiliar do sistema digestivo (As principais indicações terapêuticas da hortelã)
No jardim exala um aroma fantástico, atrai borboletas e insectos úteis. Em infusão atua como repelente de ratos, de pulgas nos animais e nas suas instalações. Também têm interesse como desparasitante dos humanos e dos animais

Cultura da  hortelã


Deve ser plantada sozinha, pelo facto de ser uma planta evasiva e limita o crescimento das plantas que a rodeiam.
Gosta de solos ricos, húmidos, com boa drenagem.
Aprecia locais com boa luminosidade, com sol direto ou meia sombra.
Exige regas regulares, a hortelã não tolera a secura.
Em condições ideais esta planta torna-se envasiva, é portanto necessário um controlo regular.

Pragas e doenças da hortelã


A mosca branca e um determinado tipo de escaravelho podem provocar grande danos na planta.
Uma solução de sabão de potássio, normalmente ajuda a combater estas pragas.
A hortelã pimenta também é susceptível de contrair oídios e podridões, deve-se portanto evitar solos encharcados e convém fazer podas regulares ás plantas.

Partes utilizadas e armazenamento da hortelã


Toda a parte aérea da planta é utilizada e pode ser consumida em verde ou seca.
A sua secagem deve ser feita á sombra e em locais ventilados, seja ao ar livre ou no interior. (Como secar as ervas aromáticas)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...